28 de mai de 2010

Quando as emoções transbordam...

Às vezes existem ferimentos que não podem ser curados com remédios ou médicos, a gente precisa apenas do repouso. Relaxar o corpo, a mente e a alma. Faço isso sempre que posso, mas, confesso que não faço com prazer. Porque na maioria das vezes que faço isso, não estou bem. Pego minhas chaves, meu celular com músicas que dizem coisas que preciso ouvir, minha carteira com documentos para que no meio do caminho eu não esqueça quem eu sou..e vou..



Eu procuro lugares por onde as pessoas menos passam. Pois, alí sim é o melhor lugar para esquecer da vida. É nesse momento em que muitos recorrem aos amigos para desabafar, eu prefiro ficar sozinho, escutando música e pensando numa solução, explicação ou simplesmente, pensando em nada! Mas, às vezes, é inevitável esbarrar com amigos ou conhecidos...finjo não ter nada. Não gosto de te-los por perto quando estou assim. Gosto quando eles trazem problemas, para que juntos possamos resolver ou quando trazem a alegria para gargalhar a tarde inteira. Mas, eu mesmo, não gosto de compartilhar esses momentos reflexivos que passo. Eu sou egoísta e digo que é só meu!!

Não é garantido que eu vá e volte com a solução pra tudo. Mas, gosto de sair por aí procurando uma solução a cada esquina. Não vou muito longe. Nunca ultrapassei as barreiras do meu bairro...e acho que nunca vou precisar fazer isso. Também nunca encontrei a solução dentro de uma latinha ou no fundo de um copo de cerveja (embora já tenha tentado procurar..por várias vezes...) Até porque é lógico: Se eu não achava saída lúcido, quiçá bêbado??? Mas, quem recorre a isso quer esquecer os problemas..e eu não gosto de que nada caia no esquecimento. Gosto de resolver tudo que acontece e só esquecer quando não há mais nada para falar. Essa é a minha maneira.


E quando eu não encontro a solução?? Volto para casa com a sensação de pelo menos ter buscado a melhor saída para os meus problemas...Volto com a cabeça menos pesada (embora ela por si só já pese, por ser grande), com menos peso nas costas. Quantidade suficiente para que eu possa suportar uma noite sem dormir...

Abraços

PS. Músicas que escutava enquanto desenvolvia esse texto.

01- Depois do Temporal - Uns e Outros
02- Baby Can I Hold you - Tracy Chapman
03- Every Breath You Take - The Police
04- Ode To My Family - The Cranberries
05- Chasing Cars - Snow Patrol
06- Open Your Eyes - Snow Patrol
07- Creep - Radiohead
08- High and Dry - Radiohead
09- Fake Plastic Trees - Radiohead
10- Heaven - Live

Recomendado para quem quer curtir uma foça escutando outro som que não seja o do silêncio...

Nenhum comentário: