30 de ago de 2011

I have a dream....

Engraçado como me identifico de uma tal maneira com determinadas músicas em determinadas situações que acontecem na minha vida. Posso dizer que as soundtracks desse momento que acabei de descobrir (sinceramente,  foi há menos de 10 minutos atrás) é "Tendo a Lua" dos Os Paralamas do Sucesso e "Último Romance" dos Los Hermanos. Não é todo o desenrolar das músicas que explica minha situação, mas, faço questão de escutá-las para escutar aquela parte que "diz tudo" que eu quero e preciso ouvir:


"Eu hoje joguei tanta coisa fora
Eu vi o meu passado passar por mim
Cartas e fotografias gente que foi embora
A casa fica bem melhor assim.

Eu hoje joguei tanta coisa fora
E lendo os teus bilhetes, eu lembro do que eu fiz
Cartas e fotografias gente que foi embora
A casa fica bem melhor assim..."

e....

"Ah vai, me diz o que é o sossego
Que eu te mostro alguém afim de te acompanhar
E se o tempo for te levar
Eu sigo essa hora e pego carona pra te acompanhar.."

Então, essas músicas tocam 4, 5...10 vezes no meu celular cada uma delas...E eu não estou exagerando. Talvez ouça até mais que isso. Mas, são músicas que eu fiz assimilação com a situação que estava imaginando na cabeça e que há poucos minutos atrás confirmei. Grandes expectativas geram grandes decepções...E quanto mais alto, maior a queda! Já diziam esses velhos ditados, tão novos para essa situação! Agora eu quero mais é que os bons ventos batam nas minhas asas imaginárias e me levem pra longe dos meus castelos de sonhos de areia construídos na beira da praia, engolido pela maré cheia de emoção, tesão e curtição...Não joguei a toalha, mas, não nadarei contra a correnteza com a sensação que morrerei na praia. Não há mal que dure para sempre...Eu vou esperar a onda passar e ver em qual das verdades eu devo acreditar, em que sonhos eu posso me agarrar e me jogar de cabeça. Faz tempo que essas palavras estão para sair, mas, eu pedia tempo para mim mesmo, acreditando que palavras não eram apenas palavras, mas sim, compromisso, tatuagens na alma de um sonhador..E é por ter certeza que a incerteza é minha companheira essa noite, que mergulho todo esse sentimento em xícaras de café que até 30 minutos atrás, somados com mais de 22 anos de vida, nunca havia bebido TANTO! Mas, aparentemente depressivo, eu me sinto da forma contrária. Tá, mentira eu falar que estou feliz, mas, não estou mal como imaginei que um dia ficaria caso esse dia chegasse. Sou grato aos momentos de felicidade, intimidade e sinceridade. Sou grato  as madrugadas, as risadas e confissões...

Mas, feliz eu seria se tudo que eu visse fosse um pesadelo. Pode não ser nada, mas, aquele "ciuminho bobo" que julgamos necessário ter para com uma pessoa, eu tenho em grande quantidade, separado em pequenos frascos que distribuo como amostra grátis do meu amor..E como toda amostra grátis, as pessoas só se interessam porque são GRÁTIS e não pelo real significado...

Cansei..AMANHÃ É O PRIMEIRO DIA DO RESTO DOS MEUS DIAS!!!


Um comentário:

Fernanda Lopes disse...

Ta apaixonado, é? Saudades, beijo.